CRIADO (ABRIL/2009) PARA INDICAR VÍDEOS DE E PARA EDUCADORES, ALÉM DE SUGERIR DIVERSOS RECURSOS TECNOLÓGICOS COM FINS EDUCACIONAIS.
Imagens: 3 filmes indicados aos educadores: A Cor do Paraíso e Filhos do Paraíso, de Majid Majidi (Irã) e Cinema Paradiso, de Giuseppe Tornattore (Itália).

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Livros de Paulo Freire disponíveis para download



Imagem acima do blog da Biblioteca da UERGS - Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, onde encontra-se disponibilizado links para download dos livros do educador Paulo Freire, conforme abaixo:

BIBLIOTECA UERGS - Livros de Paulo Freire disponíveis para download

Abaixo, lista dos livros disponibilizados (o título também é link):

Livros de Paulo Freire:

Ação cultural para a liberdade:
http://forumeja.org.br/files/Acao_Cultural_para_a_Liberdade.pdf

Extensão ou comunicação?:
http://forumeja.org.br/files/Extensao_ou_Comunicacao1.pdf

A importância do ato de ler:
http://forumeja.org.br/files/A_importancia_do_ato_de_ler.pdf

Medo e ousadia:
http://forumeja.org.br/files/MedoeOusadia.pdf

Pedagogia da autonomia:
http://forumeja.org.br/files/Autonomia.pdf

Pedagogia do oprimido:
http://forumeja.org.br/files/PedagogiadoOprimido.pdf

Política e educação:
http://forumeja.org.br/files/PoliticaeEducacao.pdf

Professora sim, tia não:
http://forumeja.org.br/files/Professorasimtianao.pdf

Fonte:
http://bibliotecauergs.blogspot.com.br/2011/05/livros-de-paulo-freire-disponiveis-para.html

Observação:
A Biblioteca da UERGS está situada no prédio do Memorial CEEE Érico Veríssimo, rua dos Andradas, 1223, 6º andar, Centro de Porto Alegre. A Biblioteca Central é composta por um acervo geral e destaca-se por seu acervo de literatura.
No Twitter: twitter.com/UERGS_BC
Quem não conseguir fazer o download poderá mandar um e-mail para a Biblioteca Central (biblioteca@uergs.edu.br) com o nome do livro que deseja e será enviado o arquivo em PDF.

19 comentários:

  1. Respostas
    1. Oi, Vanessa, um rico material pra educadores, pois o pensamento de Paulo Freire continua atualíssimo... A pedagogia da autonomia, então, um livro de cabeceira :-)) abrs, amiga.

      Excluir
    2. Nunca lí tanto lixo em minha vida não é à toa que a sociedade deve se unir para ser aprovado no Congresso que os alunos possam aprender em casa. Como professor tenho vergonha, asco e nojo de senhor chamado Paulo Freire, o destruidor do bem, do bom e do belo. Aliás, tudo dele é plágio barato de outro monstro idiotizado: Karl Marx.

      Excluir
    3. Lamento que tenhas esta opinião singular sobre a obra de Paulo Freire, considerado um dos maiores educadores, não apenas brasileiro, mas mundiais. Como professor, não devemos ter "nojo, asco nem vergonha" de educadores que apenas divulgam seus conceitos, teorias e métodos, nem nos ocultarmos sobre o anonimato para desferir pesadas críticas, sem fundamentação. Tudo na vida é referência de autores... Todo trabalho acadêmico é repleto de citações de outras pessoas... Quanto a aprender em casa, todo local é um local de aprendizagem... Apesar de não concordar com sua opinião, respeito-a, apesar de severa demais. Ideologias à parte, o objetivo deste blog é divulgar materiais diversos de e para educadores, em sentido universal, e no caso da obra de Freire, não sou eu, mas o mundo o considera um educador universal. Grato pelo contato.

      Excluir
    4. Professor José, se o equilíbrio e a forma democrática como trata o anônimo fosse realmente a prática de todos nós como professores, provavelmente o mundo teria muito mais oportunidade de aprender e constatar que é muito mais difícil abarcar e aconchegar o outro do que menosprezar e denegrir qualquer tipo de trabalho. Um abraço e parabéns por ter calma e paciência. Armando Coelho Duarte

      Excluir
    5. Caro Armando, nós, como educadores, temos este compromisso ético e social de retribuir com o respeito às opiniões contrárias e até prova em contrário, darmos o "benefício da dúvida" e do diálogo, mesmo àqueles que são ríspidos, direta ou indiretamente com a gente. No caso da manifestação do Anônimo, talvez seja uma crítica ao ser político Paulo Freire e não ao educador, até por que se levarmos ao pé da letra o que ele comentou, de Freire ser plágio de Marx, então podemos dizer que Machado de Assis é plágio de Shakespeare, pois Dom Casmurro é uma releitura do Otelo e outras obras do autor brasileiro, visivelmente - pra quem é conhecedor da obra de ambos - sofreu influências do autor inglês. Uma coisa é plágio, outra influência. O plagiador copia, mas há quem recrie em cima do que já existe, como releitura. Mais, vejo muito gente falando bem ou mal, tanto de Freire como de Marx, sem jamais ter lido nada deles, o que é lamentável... Sinceramente não consigo entender críticas sem fundamentação... Freire "destruidor do bom, do belo e do bem" ??? É um equívoco de interpretação da vida e obra de Freire, que o Anônimo fez. Freire escreveu que "a leitura de mundo antecede a da palavra", e isso lá na década de 60, 70, e hoje em pleno sec. XXI vejo nas crianças que se alfabetizam em imagens de videogames e meios tecnológicos, antes mesmo de estarem alfabetizados na língua materna. Freire disse que "educar é ter a consciência do inacabamento" e comparo isso a um livro que precisa ter um final em aberto mesmo... E o educador deve ter essa consciência que seu ato de educar é algo sempre aberto, passível de transformações. Enfim, só lamento que muitos têm a crítica, nem sempre a autocrítica, mas jogar pedra, desde tempos imemoriais sempre foi mais fácil, né mesmo? Um abraço, e grato pela visita e comentário Armando. :-))) Gentileza gera gentileza sempre.

      Excluir
  2. Obrigada pela divulgação, Prof. José! Ficamos felizes em ajudar a todos, principalmente através de obras como as do Paulo Freire, mestre na Educação. Aproveito para convidar o senhor e todos que visitam o seu blog a acompanhar o Blog do Sistema de Bibliotecas da UERGS que está de cara nova! Trabalhamos muito para melhorar o lay out e torná-lo cada vez mais agradável a todos que nos visitam!

    Um Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz em contribuir e saber que este link é um dos mais visitados em meu blog. Viva a corrente do bem e a rede social educacional que compartilha saberes. abrs, Zé Roig

      Excluir
  3. Agradecendo a atenção pelo material postado, muito me ajudará. OBRIGADA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qie bom, Alba. se tiver algum material a socializar, desde já agradeço também. abrs, Zé Roig

      Excluir
  4. Os livros de Paulo Freire me ajudaram na construção do meu artigo para defender em dezembro 20012
    obrigado.Elias Tork

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz em saber disso, Elias. Sucesso ai. Paulo Freire é um grande mestre de boa parte dos educadores brasileiros. abrs,

      Excluir
  5. Além da endiscutível contribição teórica , Paulo Freire foi 'o' exemplo de autruísmo , com sua vontade de levar educação aos que não tiveram oportunidade.

    ResponderExcluir
  6. Boa Noite!

    Um Educador ou professor que não ler Paulo Freire sei não... Ainda continua os pensamentos desse grande Educador. Parabéns aqueles que deram essa contribuição a todos os professores de ter essas obras para ler e refletir na sua prática cotidiana.

    ResponderExcluir
  7. querido obrigada por esse trabalho aqui posso ler sem compra livros, se bem que investir em obra com a de Freire não é gastar a toa , todavia , e bom economizar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim , colega, sempre bom economizar, e mais que isso, organizar esse rico material, socializar este rico conhecimento. a Biblioteca da UERGS esta de parabéns, pela iniciativa. Eu apenas compartilhei a descoberta. Um abraço, Zé Roig.

      Excluir
  8. Olá Prof José Antonio Klaes Roig! Sou de Lisboa Portugal, estou a tirar licenciatura de educação básica e nesse preciso momento estamos a fazer um trabalho sobre Paulo Freire,pois vamos ter de o apresentar a turma.O material disponível aqui no site ajudou-nos imenso,muito obrigado pela dedicação!Os livros dão nos muito jeito,já que não os encontramos à venda,mais uma vez obrigado!Franciele Cardoso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Franciele, fico muito feliz de que minha postagem tenha colaborado com a tua pesquisa. Mas todo o mérito é da Biblioteca da UERGS por disponibilizar este rico acervo de um dos maiores educadores do Brasil, e um dos mais destacados do mundo também. O pensamento de Freire ainda continua vivo... Hoje mesmo coloquei no Facebook um pensamento dele que é atualíssimo; "Se é possível obter água cavando o chão, se é possível enfeitar a casa, se é possível crer desta ou daquela forma, se é possível nos defendermos do frio ou do calor, se é possível desviar leitos de rios, fazer barragens, se é possível mudar o mundo que não fizemos, ou da natureza, por que não mudar o mundo que fazemos: o da cultura, o da história, o da política?"Paulo Freire (2000).
      Desejo sucesso a ti, em teus estudos. Um abraço. Zé Roig.

      Excluir