sábado, 1 de fevereiro de 2014

A poesia dos dias: A poderosa encenação continua. Qual será o seu verso?



O belo e comovente vídeo acima Your Verse Anthem, descobri via Twitter do jornalista Ricardo Setti e trata-se de comercial do iPad Air, ilustrado com belas imagens e versos do poeta Walt Whitman (1819-1892) e narração do ator Robin Williams.
A seguir, uma parte da fala de personagem de Williams, no filme Sociedade dos Poetas Mortos, e posteriormente versos de Whitman: “Não lemos e escrevemos poesia porque é bonitinho. Lemos e escrevemos poesia porque somos membros da raça humana e a raça humana está repleta de paixão. E medicina, advocacia, administração e engenharia, são objetivos nobres e necessários para manter-se vivo. Mas poesia, beleza, romance, amor… é para isso que vivemos”.
Abaixo, a mesma fala e versos em cena do filme Sociedade dos Poetas Mortos (1989), em que o professor Keating fala de vida e de poesia aos seus alunos (um filme imperdível, que todo educador deveria assistir):



Ótimo material para tratar de educação, tecnologia, poesia e sociedade...
Todo bom educador é de certa forma um bom ator, que interpreta um papel social nessa encenação que é o ato de educar nesse palco que é a escola. Todo bom educador deveria ser também de certa forma um poeta, não no sentido literal e estrito do termo, mas na acepção mais ampla, de encantar o aluno com a poesia das letras e números.
Afinal, o Educa Tube Brasil em diversas oportunidades ressaltou que "Há uma misteriosa gramática entre números e equações e uma curiosa matemática entre letras e orações"...

2 comentários:

  1. Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens
    é um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
    Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita
    Ficarei radiante se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, saiba que sempre retribuo seguido
    também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
    Sou António Batalha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, António, não tinha visto tua mensagem antes, Grato pela visita. Retribuirei em teu blog. Um abraço,

      Excluir